As lições para a sustentabilidade e o futuro com John Elkington e Yuval Harari

Design by Freepik

Assistir a uma apresentação da visão de John Elkington, criador da teoria dos três pilares (triple bottom line), sobre o presente e o futuro, já é essencial em um momento tão crítico para a humanidade como o que estamos vivendo.

É importante ouvir de “sua própria boca” a necessidade de avançarmos, de rever este conceito, de repensar e “resetar” o capitalismo (palavra que está sendo usada por outros cientistas, especialistas e futuristas). Ouvir as novas expressões para representar esta mudança, como “’capitalismo regenerativo” (também usada pelos agentes já citados), para se referir à regeneração do planeta diante do gigante impacto causado pelo homo sapiens). Segundo ele devemos caminhar para uma etapa de regeneração, mais ampla do que a atual sustentabilidade, passando pela transição de resiliência por ele atribuída (palavra da moda no momento presente…). Escutar sobre o Green Swan (termo cunhado pelo BIS – Bank for International Settlements, “o banco dos bancos centrais”, para se referir à perspectiva de uma crise financeira causada pelas mudanças climáticas, em uma alusão aos Cisnes Negros – eventos fora da curva e que têm um forte impacto negativo ou até catastrófico na economia, de Nassim Nicholas Taleb).

Ouvir a sua opinião, importante por quem ele é, de que em 100 anos o termo “sustentabilidade” estará no mesmo nível de liberdade e de democracia; de que ultrapassamos o point of no-return em alguns temas da sustentabilidade. De que não dá para confiar cegamente no mercado para se ajustar, há que se ter regulação. Que os negócios precisam gerar lucros, mas que precisam servir também a propósitos maiores.

Ele é adepto, assim como diversos cientistas, da classificação de nossa era geológica como a Antropoceno (era que se caracteriza pela mudança da Terra pelo homem), sucedendo à anterior Holoceno.

Mas assistir ao senso crítico de John Elkington seguido da visão de Yuval Harari sobre a pandemia, o presente e o futuro, isso é sensacional! Privilégio proporcionado pelo mundo digital das videoconferências como a Expert XPI – ESG.

Yuval reconhece o sucesso científico na identificação e mapeamento genético do covid19 (2 semanas!!!!), e da criação e produção de diversas vacinas em 1 ano. Mas ele “escancarou” o fracasso político em levar esse conhecimento e armas no combate à pandemia a todos que precisam – por decisões lentas e má distribuição de recursos (com raras exceções), após período de negacionismo.

Segundo o historiador e filósofo, autor de livros best-sellers atuais como Sapiens, Homodeus e 20 lições para o século 21, a solução para a pandemia não é isolar, mas cooperar e fazer a “boa globalização” (não a competição global). Ainda: Não precisamos de muros entre os homens, mas de muros entre o vírus e os homens. Neste sentido, defende o empoderamento de instituições globais como a OMS.

Ele afirmou que o colapso climático é bem mais amplo e complexo do que a pandemia, e muito mais impactante. Se um vírus fez todo este “estrago”, imagine o planeta inteiro em mutação com aceleração de eventos extremos.

Para ele a tecnologia é um dos grandes desafios do ser humano, pois já vivemos o momento em que ter dados é ter poder, que pode ser usado de forma negativa, com grandes impactos. Como parte da profilaxia, ele defende que a tecnologia não seja usada para controlar as pessoas, e para isso deve haver regulação e a proteção contra concentração de poderes e dados em poucas mãos.

O que os dois grandes pensadores têm em comum?

A preocupação com o momento atual de grandes e rápidas mudanças, com o choque climático, com os rumos do capitalismo e da tecnologia. A importância de os políticos tomarem boas decisões, em nome do bem comum, e alocar recursos de maneira a superar as desigualdades e os impactos sociais e ambientais. A necessidade de regulação positiva sobre o capitalismo, diante da concentração de poderes do setor empresarial e os negócios, que devem buscar propósito e a razão social.

Que a tecnologia é neutra, depende do que fazemos com ela. Que o nosso senso crítico, a busca da verdade e dos fatos devem ser incentivados, para superar os vieses interesseiros individuais. Que devemos cooperar local e globalmente para enfrentar estes grandes desafios. Que a cantilena “malthusiana”, de que a tecnologia é a resposta para o crescimento populacional e os crescentes desejos de consumo, seja adotada sempre com inclusão, redução das desigualdades, solução dos problemas ambientais e sociais atuais como o aquecimento global e a fome, e sem vícios de autoritarismo e controle da sociedade pelas grandes instituições.

E, por fim, fica a fé nas novas gerações, que já nascem com novo mindset, original de “fábrica” com senso crítico e valores mais próximos à mensagem do coletivo e cooperação, desenvolvimento sustentável e qualidade de vida. Que possam melhorar o mundo que deixamos para eles.

Michel Epelbaum – Diretor da Ellux Consultoria

Diretor da Ellux Consultoria. Tem mais de 25 anos de experiência nacional e internacional em gestão de sustentabilidade, qualidade, meio ambiente, saúde ocupacional e segurança, e compliance.  É membro dos Comitês Técnicos da ABNT de Gestão Ambiental, Antissuborno, Riscos, Governança, Responsabilidade Social e Energia. É Lead Assessor nas normas ISO 9001, ISO 14001, OHSAS 18001, ISO 45001, ISO 19600 e ISO 37001.

Consulte nossos serviços de ConsultoriaTreinamento e Auditoria em Sistemas de Gestão inclusive nas Normas ISO 37301, ISO 19600 – compliance e ISO 37001 – antissuborno, . Além de outras como ISO 9001, ISO 14001, ISO 45001, ISO 26000, NBR 16001 E ISO 50001.

Saiba mais em nossos posts relacionados:

Riscos Globais 2021 – Pandemia, Economia, Recuperação da “Normalidade” e Clima

Riscos Globais 2020 – aquecimento global se destaca no Fórum Econômico Mundial 2020

Riscos Globais 2019 – Fórum Econômico Mundial

Riscos Globais 2018 – Fórum Econômico Mundial

Gostou? Compartilhe este post!

Leave Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ellux Consultoria - há mais de 20 anos trazendo soluções em Gestão da Sustentabilidade, Qualidade e Riscos.

Oferecemos auditorias, consultoria, treinamentos e gamificações em Sistemas de Gestão com base nas Normas ISO 14001, ISO 9001, ISO 45001, ISO 37001, ISO 37301, ISO 19600, ISO 26000, NBR 16001, SA 8000, ISO 50001, ISO 31000, DSC 10000 e outros modelos.