global risks network

Riscos Globais 2021 – Pandemia, Economia, Recuperação da “Normalidade” e Clima

Nesta semana se realiza o Fórum Econômico Mundial, que reúne líderes mundiais (grandes empresários, chefes de estado e políticos de relevância) para discutir problemas contemporâneos em janeiro de cada ano. Usualmente em Davos, na Suíça, neste 2020/2021 “cisne negro” (denominação criada por Nassim Nicholas Taleb para acontecimentos imprevisíveis com resultados impactantes) ele se mudou para o mundo online nesta semana, e o encontro presencial foi previsto para se realizar em maio em Singapura.

Sob o slogan “O Grande Reinício”, o assunto central do diálogo desta edição são as consequências da crise da COVID-19 e a recuperação da economia mundial (como não poderia deixar de ser), focando em sete temáticas concretas: como salvar o planeta, economias mais justas, tecnologia para o bem, o futuro do trabalho, empresas mais justas, futuros mais saudáveis e mais além da geopolítica. E, como poderia deixar de ser, o Jair Bolsonaro não vai participar do evento…

O relatório de riscos globais 2021 do Fórum traz mudanças em relação a anos anteriores, como era de se esperar. O relatório faz um histórico das análises e alertas do Fórum Econômico Mundial quanto aos riscos de pandemia (nos anos de 2006, 2013, 2016, 2019 e 2020), que se materializou em 2020 e trouxe as consequências que todos estão acompanhando.

Particularmente, chama a atenção para:

  • O aumento dos impactos sociais, agora representando 3 entre os 10 maiores riscos em 2021) – doenças infecciosas, crise de subsistência e erosão da coesão social – mais de 2 milhões de mortos até o momento, e apenas no segundo trimestre de 2020 foram perdidas horas de trabalho equivalentes a 495 milhões de empregos;
  • A premência da cooperação para combater o aquecimento global, maior risco global de longo prazo. Os riscos ambientais continuam consistentemente no topo da lista (5 entre os 10 maiores em 2021);
  • Os seus impactos econômicos, incluindo a estagnação prolongada e a crise fiscal dos países, e as transformações setoriais em função da pandemia e da digitalização que se acelerou;
  • Preocupações quanto ao aumento da concentração de poder digital e seus riscos, como de falhas na cyber-segurança;
  • Preocupações quanto ao impacto de armas de destruição em massa (terceiro maior, abaixo somente da falha em prevenir/mitigar o aquecimento global, e das doenças infectocontagiosas), apesar da probabilidade baixa de ocorrência.

Os riscos foram analisados também em função do prazo: de curto prazo (até 2 anos) – perigos claros e presentes de médio prazo (de 3 a 5 anos) – efeitos em cadeia; e riscos de longo prazo (5 a 10 anos) – ameaças existenciais.

riscos globais curto prazo
Relatório de Riscos Globais 2021 – curto prazo
riscos globais medio prazo
Relatório de Riscos Globais 2021 – médio prazo
riscos globais longo prazo
Relatório de Riscos Globais 2021 – longo prazo
landscape
Cenário dos Riscos Globais 2021
legenda landscape 2021

Há muito o que discutir. Em todos os anos sempre houve. Mas não como nesse, em que o mundo virou de ponta-cabeça…

Esperamos que haja serenidade e cooperação positiva para enfrentar essa grande crise de nossos tempos, procurando o bem maior para o planeta e para o maior número possível de pessoas, sem privilégios de qualquer tipo (que o mundo já não aceita), reduzindo as desigualdades que só tem aumentado,. O mundo está mais globalizado do que nunca… nunca antes em nossa história a expressão “Nosso futuro comum” se tornou tão real e tão necessária como conceito e prática. O ponto da virada (the turning point) chegou? Ou é o ponto sem retorno (the point of no-return)?

Michel Epelbaum – Diretor da Ellux Consultoria

Diretor da Ellux Consultoria. Tem mais de 25 anos de experiência nacional e internacional em gestão de sustentabilidade, qualidade, meio ambiente, saúde ocupacional e segurança, e compliance.  É membro dos Comitês Técnicos da ABNT de Gestão Ambiental, Antissuborno, Riscos, Governança, Responsabilidade Social e Energia. É Lead Assessor nas normas ISO 9001, ISO 14001, OHSAS 18001, ISO 45001, ISO 19600 e ISO 37001.

Consulte nossos serviços de ConsultoriaTreinamento e Auditoria em Sistemas de Gestão inclusive nas Normas ISO 37301, ISO 19600 – compliance e ISO 37001 – antissuborno, . Além de outras como ISO 9001, ISO 14001, ISO 45001, ISO 26000, NBR 16001 E ISO 50001.

Saiba mais em nossos posts relacionados:

Riscos Globais 2020 – aquecimento global se destaca no Fórum Econômico Mundial 2020

Riscos Globais 2019 – Fórum Econômico Mundial

Riscos Globais 2018 – Fórum Econômico Mundial

Riscos Globais 2017 – Fórum Econômico Mundial

Global Risks 2016 – Fórum Econômico Mundial

Mudanças na ISO 31000 – Gestão de Riscos

Novidades nas Normas ISO de Gestão de Riscos!

Gostou? Compartilhe este post!

Leave Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ellux Consultoria - há 20 anos trazendo soluções em Gestão da Sustentabilidade, Qualidade e Riscos.

Oferecemos auditorias, consultoria, treinamentos e gamificações em Sistemas de Gestão com base nas Normas ISO 14001, ISO 9001, ISO 45001, ISO 37001, ISO 37301, ISO 19600, ISO 26000, NBR 16001, SA 8000, ISO 50001, ISO 31000, DSC 10000 e outros modelos.