Conduta e Integridade

Responsabilidade Social e Integridade cada vez mais requisitados!

Em um momento planetário de crise moral, é muito importante que a conduta, a responsabilidade social e a integridade sejam cada vez mais valorizadas para o funcionamento de organizações do setor público e privado, além dos critérios técnicos e comerciais.

Os exemplos são muitos, multitemáticos e espalhados:

  • O fundador e presidente do Uber, Travis Kalanick, renunciou na semana passada ao cargo após as investigações de denúncias de assédio sexual e moral na empresa. Cogita-se que o sucessor seja uma mulher, visando buscar mudar a cultura e a imagem da empresa;
  • No contrato da CBF com a TV Brasil para exibição dos 2 amistosos da seleção brasileira de futebol na Austrália em junho, foi incluída uma cláusula onde as partes declaram “conhecer as normas de prevenção à corrupção prevista na legislação brasileira” e que se comprometam a cumpri-las fielmente. O documento foi assinado também pelo presidente da CBF – Marco Polo Del Nero (indiciado pela justiça americana por corrupção);
  • Analistas de investimentos continuam recomendando aos seus clientes distância de empresas envolvidas com corrupção ;
  • Fundos de Investimentos reforçam avaliações e critérios de proteção para fechar negócios, após os desdobramentos da Operação Lava-jato – visando reduzir os riscos decorrentes de investigações da justiça brasileira e americana;
  • BNDES está alterando as exigências para concessão de novos empréstimos, para incluir a adesão a um conjunto de regras de integridade, e a cessação dos empréstimos em caso de irregularidades;
  • setor de saúde organizou o Instituto Ética Saúde, contando com 240 empresas (cerca de 60% das maiores), que criou regras para suas associadas para aperfeiçoar a gestão da integridade, incluindo um canal de denúncias e todo o seu tratamento e informação ao Ministério Público;
  • Petrobras, em seu esforço de se reinventar e prevenir a corrupção em suas operações, adicionou em 2015 critério de integridade ao processo de contratação de fornecedores e serviços (incluindo o Programa de Integridade – mecanismos de prevenção contra e detecção de irregularidades e atos de corrupção). Na semana passada, a Petrobras anunciou a extinção antecipada do contrato com a Usina termelétrica Mário Covas em Cuiabá, da Âmbar, empresa do grupo J&F, devido à violação da cláusula contratual sobre a legislação anticorrupção. A empresa já havia bloqueado as construtoras Andrade Gutierrez e Carioca Engenharia, pelo mesmo motivo (no entanto, com a assinatura de acordos de leniência com o Ministério Público Federal, as empresas foram retiradas da “lista negra”). Apesar das desconfianças que podemos levantar, é importante destacar o avanço nas práticas, e monitorar o seu cumprimento;
  • O ator Tony Ramos e a apresentadora Fátima Bernardes rescindiram seus contratos de propagandas de produtos do Grupo JBS, por conta da corrupção assumida pelos seus sócios e executivos.
  • O Centro de Estudos em Sustentabilidade (GVces) da Escola de Administração de Empresas da Fundação Getúlio Vargas lançou documento do Grupo de Trabalho de Gestão de Fornecedores Ciclo 2016 para contribuir no avanço na inserção da sustentabilidade nos processos de compras e gestão de riscos das cadeias de fornecedores. A análise de materialidade inclui temas como poluição, direitos humanos, governança corporativa e compliance.

 

Incorporação destes requisitos de conduta e sustentabilidade no dia a dia

Apesar de estar ocorrendo em nível mundial, a incorporação destes requisitos nos negócios e no dia a dia da rotina pública e privada é vital no Brasil, pelos motivos políticos, econômicos, sociais e culturais que conhecemos e vivenciamos há anos… Dados de junho/17 de pesquisa do Instituto Datafolha mostram que 47% dos entrevistados sentem mais vergonha do que orgulho de ser brasileiros…. Mostrou ainda que a corrupção se tornou a principal preocupação dos brasileiros (junto com a saúde).

A incorporação destes requisitos de conduta e sustentabilidade no dia a dia das organizações se instrumentaliza pelos sistemas e programas de compliance, baseados em referências nacionais e internacionais. Que “vengam” (e vinguem) o Pacto Global da ONU, o Pró-Ética da CGU, a ISO 37001 e outros modelos…!

“Vírus do bem”

Que a conduta ética e a sustentabilidade “contaminem” a sociedade brasileira como um “vírus do bem”. Que os requisitos de conduta para operar eliminem o lado negativo da moeda do “jeitinho brasileiro”, e ajudem a ressaltar o seu lado positivo: a criatividade, a flexilidade, a resiliência e a fraternidade.

Michel Epelbaum – diretor da Ellux Consultoria

Consulte nossos serviços de ConsultoriaTreinamento e Auditoria em Sistemas de Gestão de Sustentabilidade/Compliance/Integridade, inclusive nas Normas ISO 14001:2015 – ambientalISO 50001 – energia, ISO 26000 – responsabilidade social, ISO 37001 – antissuborno e ISO 19600– compliance.

Saiba mais sobre este assunto em nossos posts relacionados:

IMPACTOS ECONÔMICOS: CORRUPÇÃO E AMEAÇAS AO DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

MAIS INFORMAÇÕES SOBRE COMPLIANCE, CORRUPÇÃO E SEU COMBATE

CORRUPÇÃO BRASILEIRA: SISTÊMICA, ENDÊMICA OU SINDRÔMICA?

A IMPORTÂNCIA DA AVALIAÇÃO DE RISCOS NOS SISTEMAS DE GESTÃO DE COMPLIANCE

NBR ISO 37001 (ANTISSUBORNO) E OS MOVIMENTOS PARA SUA CERTIFICAÇÃO

PRINCIPAIS DISTINÇÕES ENTRE COMPLIANCE – ISO 19600 E ANTISSUBORNO – ISO 37001

 

Gostou? Compartilhe este post!

Ellux Consultoria - há mais de 18 anos trazendo soluções em Gestão da Sustentabilidade, Qualidade e Riscos.

Auditoria, Consultoria, Treinamentos e Gamificação em Sistemas de Gestão com base nas Normas ISO 14001, ISO 9001, OHSAS 18001, ISO 45001, ISO 26000, ISO 50001, ISO 31000, ISO 37001, ISO 19600, DSC 10000, BPM e outros modelos.